segunda-feira, 14 de março de 2011

J-Day que furada da Jac Motors

Impressionada com a furada da JAC Motors, marcam coquetel de inauguração dia 18/03 - "J day", fazem ação promocional divulgando a inauguração das concessionárias, cadastro no site para participar do coquetel.
E ai o que a empresa faz, inaugura antes (legal para eles), mas a expectativa do grande dia J, perdeu-se... Recebi uma ligação dizendo que já inauguram as concessionárias e que posso em ir em qualquer loja conhecer a linha, não encontrei expressão para dizer como me senti, até encontrei DECEPCIONADA.
Eu como publicitária, achei uma ação de marketing que foi totalmente jogada fora!!! Todas as expectativas, comunicações para o “J Day”, e me ligam e dizem que já foi à inauguração.
E meu cadastro que fiz no site da Jac Motors, quero saber como fica e para que ele será usado, pois até então era minha entrada no coquetel da concessionária que escolhi através deste cadastro.
Tem coisas que preciso me expressar, pois me deixam inconformada.

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Pressão dos Pares - Ações que Contagiam

Olá Amigos,

Gostaria de compartilhar com vocês este vídeo que nos faz refletir bastante sobre a sociedade.

Hoje vivemos em uma sociedade cada vez mais individualista, onde os problemas são comuns, mas falta atitude para resolve-los (sempre se espera pelo outro), diante disto surge agentes para a mobilização, basta apenas um, apenas uma pessoa com atitude e vontade para por em prática, gerando assim a pressão dos pares, até mesmo quem não quer se envolver acaba envolvido por conta da situação e até mesmo para não ficar "mal na fita".

Um caso recente, foi no Egito, a pressão de toda população mobilizada por uma reforma política. Mas para que isto ocorra, precisamos de pessoas com atitudes, um pode se transformar em 100, 1000, etc... Mas atitude é que falta! Para então gerarmos a pressão dos pares voltado para algo positivo.

Ações que Contagiam - TOI - Lead India - Tree

Espero que gostem deste vídeo e aguardo comentários.

VOCÊ É INSUBSTITUÍVEL

Na sala de reunião de uma multinacional o diretor nervoso fala com sua equipe de gestores.

Agita as mãos, mostra gráficos e, olhando nos olhos de cada um ameaça: "Ninguém é insubstituível".

A frase parece ecoar nas paredes da sala de reunião em meio ao silêncio.

Os gestores se entreolham, alguns abaixam a cabeça.

Ninguém ousa falar nada.

De repente um braço se levanta e o diretor se prepara para triturar o atrevido:

- Alguma pergunta?

- Tenho sim.

-E Beethoven ?

- Como? - o encara o diretor confuso.

- O senhor disse que ninguém é insubstituível e quem substituiu Beethoven?

Silêncio.....

O funcionário fala então:

- Ouvi essa estória esses dias contada por um profissional que conheço e achei muito pertinente falar sobre isso.

Afinal, as empresas falam em descobrir talentos, reter talentos, mas, no fundo continuam achando que os profissionais são peças dentro da organização e que, quando sai um, é só encontrar outro para por no lugar.

Quem substituiu Beethoven? Tom Jobim? Ayrton Senna? Ghandi? Frank Sinatra? Garrincha? Santos Dumont? Monteiro Lobato? Elvis Presley? Os Beatles? Jorge Amado? Pelé? Paul Newman? Tiger Woods? Albert Einstein? Picasso? Zico? etc...

Todos esses talentos marcaram a história fazendo o que gostam e o que sabem fazer bem, ou seja, fizeram seu talento brilhar. E, portanto, são sim insubstituíveis.

Cada ser humano tem sua contribuição a dar e seu talento direcionado para alguma coisa.

Está na hora dos líderes das organizações reverem seus conceitos e começarem a pensar em como desenvolver o talento da sua equipe focando no brilho de seus pontos fortes e não utilizando energia em reparar seus 'erros/ deficiências' .

Ninguém lembra e nem quer saber se Beethoven era surdo , se Picasso era instável , Caymmi preguiçoso , Kennedy egocêntrico, Elvis paranóico ...

O que queremos é sentir o prazer produzido pelas sinfonias, obras de arte, discursos memoráveis e melodias inesquecíveis, resultado de seus talentos.

Cabe aos líderes de sua organização mudar o olhar sobre a equipe e voltar seus esforços em descobrir os pontos fortes de cada membro. Fazer brilhar o talento de cada um em prol do sucesso de seu projeto.

Se seu gerente/coordenador , ainda está focado em 'melhorar as fraquezas' de sua equipe corre o risco de ser aquele tipo de líder/ técnico, que barraria Garrincha por ter as pernas tortas, Albert Einstein por ter notas baixas na escola, Beethoven por ser surdo. E na gestão dele o mundo teria perdido todos esses talentos.

Seguindo este raciocínio, caso pudessem mudar o curso natural, os rios seriam retos não haveria montanha, nem lagoas nem cavernas, nem homens nem mulheres, nem sexo, nem chefes nem subordinados . . . apenas peças.

Nunca me esqueço de quando o Zacarias dos Trapalhões 'foi pra outras moradas'. Ao iniciar o programa seguinte, o Dedé entrou em cena e falou mais ou menos assim: "Estamos todos muito tristes com a 'partida' de nosso irmão Zacarias... e hoje, para substituí-lo, chamamos:... . Ninguém ... pois nosso Zaca é insubstituível"

Portanto nunca esqueça: Você é um talento único... com toda certeza ninguém te substituirá!

"Sou um só, mas ainda assim sou um. Não posso fazer tudo..., mas posso fazer alguma coisa. Por não poder fazer tudo, não me recusarei a fazer o pouco que posso."

"No mundo sempre existirão pessoas que vão te amar pelo que você é..., e outras..., que vão te odiar pelo mesmo motivo..., acostume-se a isso..., com muita paz de espírito. ..".

É bom para refletir e se valorizar!

Fonte: Desconhecida - Se alguém souber me informe.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Sou rica... só que não estou sabendo!

Começo este post com a seguinte frase: "Eu gostaria de ter todo o $$$ que acham que eu tenho"
Espero que as conclusões que eu tiro sejam apenas algo de minha imaginação e que não tenham fundamento, mas às vezes os fatos me levam a crer que elas estão muito próximas da realidade.
Se tenho meus "luxos", é pq ralei (e ralo) muito para satisfazer minhas vontades. Agradeço imensamente aos meus pais por sempre me ensinarem o valor do dinheiro, agradeço meu sogro por me ensinar a fazer o dinheiro a trabalhar por mim e não eu por ele, ao meu marido, por andar lado a lado comigo para conquistamos nossos objetivos.
Sou rica sim, mas de saúde, para correr atrás de meus sonhos para eles se tornarem realidade; sei o tempo que esperei e quanto batalhei para chegar aonde estou e já aviso que não ficarei parada, sou subir os degraus ainda mais, já que força de vontade e determinação não me faltam.
Aos que acham que sou rica, por favor me informem como tiram suas conclusões, vai saber que tenho uma conta bancária recheada e só eu não sei!!! Vou atrás dela...